Você sabe o que é empreendedorismo social? Conheça exemplos incríveis.

85

A cada dia que passa nosso país respira mais e mais o empreendedorismo. Embora ainda somos um embrião no que tange à empreender, é hialino nosso crescimento na maneira de pensar e de criar produtos e serviços que resolvem, de fato, os problemas das pessoas.

Existem muitas empresas que além de pensar em resolver os problemas das pessoas, se dedicam em desenvolver produtos e serviços que resolvem problemas do mundo. Assim, diariamente, grandes negócios são criados e ótimas ideias são colocadas em prática. Contudo, há alguns anos uma grande vertente vem ganhando espaço no mundo empreendedor: o empreendedorismo social.

O que é empreendedorismo social?

Em resumo, trata-se de negócios lucrativos, que resolvem problemas sociais.

O principal objetivo do empreendedor social é gerar impacto social, resolver problemas que o mundo passa, aliando sua experiência de gestão e também sua capacidade de gerar lucro por gerar impacto social. Entendeu? É um ciclo altamente virtuoso: Gera impacto social – gera lucro – gera mais impacto social – gera mais lucro. É bom para todo mundo!

A vertente de empreendedores sociais brasileiros já ganha muita força e é, de fato, uma realidade no Brasil. Algumas empresas já vem causando grandes transformações na sociedade e empoderando, em alguns casos, até mesmo ONGs.

O crescimento dessa vertente se mostra muito claro pelo crescimento do nascimento de empresas que tem como core o impacto social, mas, também, pelo fato de nascerem, cada vez mais, organizações de fomento ao empreendedorismo social, como fundos de investimento, incubadoras, aceleradoras, cursos acadêmicos, etc.)

O empreendedor Social trabalha de maneira diferente?

Existem diversos tipos de empreendedores sociais, que vão de empreendedores que fundam Organizações Não Governamentais, que não possuem fins lucrativos, até os que criam empresas lucrativas. Nesse artigo, vamos levar em consideração o segundo: Empreendedores sociais que fundam empresas lucrativas.

A resposta mais simples de se ter nesse caso: O empreendedor social que visa o lucro trabalha da mesma maneira que um empreendedor comum. Contudo, a maneira de pensar, os objetivos que busca e o propósito são diferentes.

Um empreendedor social trabalha para resolver um problema social, e enxerga o lucro como consequência de um trabalho de impacto bem feito. Ou seja, a maneira de pensar é diferente: Vou gerar impacto social, logo, gerarei lucro.

Já o objetivo de um empreendedor social é o impacto social que vai gerar. “Quero fazer com que 100mil crianças tenham acesso à educação, logo, gerarei lucro e, assim, poderei ajudar ainda mais crianças a terem acesso à educação”.

O Propósito de um empreendedor social também é diferente. Ele é baseado no ‘porquê?’ do empreendimento nascido. É uma verdadeira busca pelo “Why?”, do famoso Golden Circle, eternizado por Simon Sinek.

Ou seja, se o negócio nasceu para, por exemplo, impactar e salvar animais abandonados, o objetivo, antes de qualquer coisa, é alcançar esse objetivo. O propósito em negócios sociais são extremamente motivadores e uma verdadeira engrenagem para que o negócio tenha o verdadeiro sucesso e, consequentemente, gere lucro e sustentabilidade.

Exemplos de Empreendorismo Social

Um bom exemplo de empreendedorismo social é a Risü. A Startup já doou, em 2 anos de trabalho, mais de sessenta mil reais para ongs, impactando mais de 20.000 vidas.

Fundada em 2015 por três empreendedores mineiros, a Risü é um shopping online do Bem, onde parte do valor de compras online, em lojas como Americanas, Submarino, Netshoes, Centauro, Ponto Frio, Shoptime, se transforma em doação para uma ONG à escolha do consumidor.

“Nosso objetivo é que, em 2017, já impactemos mais de 150 mil pessoas, conseguindo mais parcerias com lojas e apoiando, cada vez mais, Ongs sérias e idôneas, que fazem um trabalho muito importante para a sociedade”.  – Diz Rodrigo Franzot, um dos fundadores da empresa.

Dicas para quem se interessou pelo Empreendedorismo Social.

Se você tem a vontade de superar um grande desafio e resolver um problema social ou ambiental do mundo, o empreendedorismo social pode ser um ótimo caminho a se seguir.

Para te ajudar na iniciação de sua carreira como empreendedor social, você pode realizar cursos específicos sobre o tema. De fato, a realização de cursos acelera sua curva de aprendizado, fazendo com que seu negócio saia do papel em uma velocidade muito maior.

Pensando nisso, a dica é a realização do curso de Iniciação ao Empreendedorismo Social disponibilizado aqui na Learncafe.

O que o curso oferece?

Nesse curso, você irá conhecer diversos pontos relevantes a serem trabalhados para lançar seu produto no mercado. Os pontos tratados no curso vão desde eixos sociais e tecnológicos, passando por competências necessárias para ser um empreendedor social, até a diferença mais profunda entre um empreendedor empresarial e um empreendedor social. Você irá entender mais profundamente o seus diferenciais no mercado de trabalho e o que pode te levar ao máximo destaque, adquirindo novos pensamentos e ideias e mudando seu mindset empreendedor.

Você também receberá um certificado válido em todo o Brasil. Esse certificado pode ser utilizado como atividade extra-curriculare exigida por faculdades, concursos públicos, ou apenas para incrementar o seu currículo, aumentando fortemente sua empregabilidade.

Você também pode realizar o pedido de impressão do certificado. Contudo, esse serviço é cobrado à parte.

Clique aqui e acesse o Curso de Iniciação ao Empreendedorismo Social.

COMPARTILHAR